Artigos

[guia] Vale a pena comprar a Aim Controller? Conheça os 12 jogos compatíveis

A Aim Controller é um acessório caro (no Brasil, dificilmente você a encontra por menos de R$ 350,00 – nos EUA sai bem mais em conta, por cerca de US$ 60,00), se adapta a uma quantidade limitada de jogos, mas permite uma das experiências mais imersivas e divertidas do Playstation VR. Diante disso, muita gente fica na dúvida se vale a pena investir nesse controle.

Eu não sou nenhum “caga-regra” pra dizer com que você deve ou não gastar seu dinheiro, como muita gente faz por aí. Mas, com a modesta experiência de quem possui o Playstation VR e a Aim Controller há mais de um ano, vou tentar trazer aqui alguns elementos pra que você possa decidir por você mesmo e tirar melhor proveito da sua Aim Controller, caso decida comprá-la. Ah, e se você tem essa dúvida, aviso que a Sharpshooter, do PS3, não pode ser usada no PSVR.

SUPORTE

Em primeiro lugar, vamos levar em conta o seguinte: a Aim Controller não se adapta a todos os tipos de jogos. E não se adapta a todos os tipos de shooters também – estilo de game para o qual ela foi especificamente criada. Alguns jogos exigem que você use controles separados, para simular as suas duas mãos. Adaptá-los para a Aim Controller é simplesmente impossível. É o caso, por exemplo, do excelente ‘Killing Floor: Incursion’ (que também usa armas brancas), o divertidíssimo ‘SuperHot’, além de ‘Archangel’, ‘Shooty Fruity’, ‘Until Dawn: Rush of Blood’, ‘Mortal Blitz’, entre outros. Como resultado disso, o controle, lançado há mais de um ano (em maio de 2017), tem apenas 12 jogos compatíveis atualmente.

LIBERDADE

Outro fator a ser levado em conta é que dos 12 jogos existentes hoje [a lista está mais abaixo], só cinco fazem uso da Aim da forma como esse foi controle foi pensado para ser usado. Ou seja, com movimentação livre. ‘Dick Wilde’, ‘The Brookhaven Experiment’ e ‘Wraith’, por exemplo, são completamente estáticos, enquanto ‘Bravo Team’ conseguiu a façanha de inventar o mais bizarro sistema de teleporte já visto no Playstation VR.

ENJOO

Em terceiro lugar, temos que falar de um assunto que mexe com a cabeça de muitos jogadores: a tontura e o enjoo de movimento. Assim como o Dualshock 4, a Aim Controller possui dois direcionais e foi pensada para proporcionar liberdade de locomoção ao jogador. No entanto, essa locomoção costuma causar enjoo de movimento (cinetose) em alguns jogadores que ainda não estão acostumados com realidade virtual. Portanto, é bom você descobrir se sente enjoo antes de investir em um controle como esse. O enjoo costuma passar com o tempo, mas, dependendo do caso, talvez seja melhor investir em jogos mais estáticos antes de comprar uma Aim Controller.

EXPECTATIVA

Há outros jogos com suporte à Aim Controller prometidos para este ano. Ainda este mês, no dia 28 de agosto, receberemos o exclusivo do PSVR ‘Firewall Zero Hour’, que é um multiplayer competitivo de 4v4 no estilo dos FPS táticos ‘Rainbow Six Siege’ e ‘CounterStrike’. O jogo não terá modo campanha, mas, para quem curte MP online, promete ser um prato cheio [saiba mais sobre ‘Firewall Zero Hour’ aqui].

Outro game com suporte à Aim, prometido para o 4º trimestre deste ano, é ‘Evasion’, que terá um modo cooperativo online. O jogo trará personagens com habilidades especiais, lembrando ‘Destiny’, além de um modo campanha.

Outro jogo previsto para este ano é ‘Warzone’, um multiplayer online que reunirá até 10 equipes de cinco jogadores cada em um mapa imenso, reunindo jogadores dos principais headsets existentes hoje no mercado. A previsão é que saia no 4º trimestre para os PCs e, logo em seguida, para o PSVR.

Fechando a lista de previstos, temos ‘ZerOkilled’ e ‘Alvo’, que prometem ser concorrentes diretos de ‘Firewall Zero Hour’. Assim como ‘Warzone’, eles serão multiplataforma e multiplayer. O ‘Alvo’ anda meio desaparecido, mas o ‘ZerOkilled’ foi prometido para setembro nos PCVRs e em 2019 para o Playstation VR.

A LISTA

Finalmente, vamos à lista com os 12 jogos que têm suporte à Aim Controller nos dias atuais. Organizei os jogos do melhor para o pior. Desta lista, não joguei quatro games (‘DWVR’, ‘Wraith’, ‘The Perfect Sniper’ e ‘Special Delivery’), por pura falta de interesse, de tempo ou de dinheiro. Incluí estes jogos na lista confiando nas opiniões de outros jogadores e pelo que vi em vídeos. Também colocarei quais as opções de controles caso você queira jogá-los sem a Aim. Vamos nessa?

aim_destaque

OS 12 JOGOS COMPATÍVEIS COM A AIM CONTROLLER

1. Farpoint

Sem sombra de dúvida, é o melhor jogo com suporte à Aim existente hoje no mercado. Possui uma campanha de 4 a 6 horas de duração, gráficos incríveis, imersão fantástica, tudo isso aliado a modos cooperativo e competitivos. Na minha opinião, é o melhor jogo do PSVR. Compra garantida e sua diversão, também, tenha você a Aim Controller ou não. Deve ser o game VR que mais passei tempo jogando, seja na campanha principal, seja no challenge individual ou nos modos online. É o pacote completo, obrigatório para quem tem uma Aim. Para quem gosta de jogos localizados para o Brasil, na PS Store das Américas você encontra a versão com dublagem em português.
Opção de controle: Dualshock 4
[Confira aqui o artigo: Vale a pena jogar ‘Farpoint’ sem a Aim Controller?]

2. Arizona Sunshine

Apesar de ter um visual mais simples que ‘Farpoint’, ‘Arizona Sunshine’ compensa na diversão. É uma espécie de ‘The Walking Dead’ em realidade virtual. A campanha gira em torno de 4 a 5 horas, com muitos headshots pelo caminho, e tem alguns momentos de tensão – como a parte que se passa em uma mina na total escuridão. Completa o pacote um modo para dois jogadores (onde você faz a campanha inteira em cooperativo) e um multiplayer em modo horda para até 4 jogadores, com três mapas. Uma DLC, chamada de Dead Man DLC, está prometida para este mês. O jogo pode ser encontrado com frequência em promoções.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4

Confira um gameplay de ‘Arizona Sunshine’ com a Aim Controller

3. Doom VFR

A implementação da Aim nesse jogo ficou um pouco confusa, por causa da mão extra que fica do lado esquerdo do seu corpo. Mas o jogo vale pela ação frenética, típica da franquia ‘Doom’, um visual incomparável, muitas opções de armas e grande variedade de inimigos. A campanha é curta (em torno de 2h30), outro fator negativo dele. Não vale o preço cheio, mas em uma promoção com 40% de desconto, é uma ótima pedida. Está todo localizado em português do Brasil.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4
[Review completo: ‘Doom VFR’ é bom, mas não é tudo o que a gente esperava]

4. Bravo Team

É um jogo cooperativo online (para dois jogadores), com campanha de cerca de 2 horas de duração, gráficos realistas, mas que peca principalmente na questão da movimentação. Em vez de locomoção livre, você se movimenta através de um teleporte bizarro, em que o personagem sai do seu corpo, caminha até o próximo ponto de cobertura (“cover”) e depois você retorna pra visão em primeira pessoa. Ou seja, o estúdio conseguiu estragar totalmente a experiência de jogar com a Aim Controller. Superado esse problema (que não é pouco), temos aí um bom jogo de tiro. Um patch recente corrigiu alguns problemas do game, mas continuaremos (para sempre) esperando um modo de movimentação livre no jogo. Não vale o preço cheio de R$ 149,90. Tem interface e legendas em português do Brasil.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4

5. Operation Warcade

É uma espécie de simulador daqueles fliperamas de shopping, onde você pegava em uma arma de plástico para atirar nos inimigos na tela. O jogo tem os piores gráficos que você pode imaginar no Playstation VR (o negócio é feio mesmo), mas é extremamente divertido. Eu chamo de “simulador de Rambo”. Tem objetivos em cada fase que te fazem querer jogar mais e mais para conseguir cumpri-los. Interface e menus em português do Brasil.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4
[Review completo: Transforme-se em um Rambo de baixa resolução em ‘Operation Warcade’]

6. DWVR

Este game ainda não joguei. Pelo que já vi dele, trata-se de um wave-shooter de movimentação livre que bebe nas fontes de ‘Doom’. São várias opções de armas e vários níveis de dificuldade. Os gráficos não impressionam muito, mas também não prejudicam.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4
O jogo está promoção (até 50% de desconto) na PS Store dos EUA [link aqui]

7. The Brookhaven Experiment

É um wave-shooter que mistura tiroteio com um clima de tensão. É bem escuro, com monstros de vários tipos vindo de todos os lados. O susto é garantido. Mas, neste jogo, você fica parado o tempo todo, esperando os inimigos virem. Pra mim, essa é a maior falha dele, ainda mais considerando o suporte à Aim Controller.
Opção de controle: Dois PS Moves

8. Dick Wilde

Mais um wave-shooter estático. Os gráficos estilo cartoon enganam: este é o jogo de tiro mais difícil do Playstation VR. Cada fase tem 10 ondas de inimigos, encerrando com um boss. Nunca terminei nenhuma fase sequer. Mas a Aim não é a melhor escolha no jogo. Com os Moves, você pode optar por usar um escudo na mão esquerda, te ajudando a se defender dos ataques adversários. Este é para os gamers mais hardcores!
Opção de controle: Dois PS Moves

9. Honor and Duty (‘Honra e Dever’ no Brasil)

É um jogo de tiro, com movimentação livre, feito basicamente por um cara só. Isso explica por que o game tem um visual paupérrimo, bonecos mal feitos e animações esquisitas. A única coisa boa que você pode falar dele é que ele tem movimentação livre e um modo competitivo com multiplayer online. Mas quase nunca vai encontrar alguém no lobby.
Opção de controle: Dualshock 4

10. The Perfect Sniper

Outro que nunca joguei. Pelo que pesquisei, os problemas de tracking impedem que você se torne o “sniper perfeito” do título. Mas um patch para corrigir esses problemas estava programado. Em algumas partes do jogo, você está em cima de um prédio atirando na cabeça dos seus alvos (bonecos em estilo ‘Minecraft’). Em outros, está no bagageiro de um furgão atirando contra mafiosos que estão te perseguindo.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4

11. Special Delivery

Este é um jogo de entrega de jornais. E você deve estar se perguntando por que um jogo de entrega de jornais tem suporte à Aim. Pois é. Foi o que eu me perguntei também. Você lança os jornais usando a Aim, enquanto pedala sua bicicleta.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4

12. Wraith

Nunca joguei. É mais um wave-shooter estático, em que você aguarda por hordas de inimigos assustadores virem na sua direção. Tem apenas um modo survival, em que você deve resistir por quanto tempo aguentar.
Opções de controle: Dois PS Moves ou Dualshock 4

VEREDITO

A Aim Controller tem uma ergonomia perfeita e a sensação de estar segurando a arma do jogo quando você a coloca nas mãos é incomparável. Como pudemos ver, a lista de jogos compatíveis é bem limitada – na quantidade e na qualidade. Fato notório é que nenhum deles superou ‘Farpoint’, FPS que foi lançado junto com o controle. Pessoalmente, eu acho que ‘Farpoint’ já bancou sozinho o que paguei pela Aim. Mas outros games estão por vir ainda este ano, como o aguardadíssimo ‘Firewall Zero Hour’ e o cooperativo ‘Evasion’, ambos jogos bancados pela Sony. Nossa esperança é que eles tenham, no mínimo, a mesma qualidade de ‘Farpoint’. Se fosse dar uma nota para a Aim Controller, levando em conta o controle em si e a biblioteca disponível, seria 8/10.

[Este guia foi feito a partir de sugestão do leitor Pedro Craide]

Quer saber mais sobre a Aim Controller? Confira este vídeo especial do canal Moso PSVR, nosso parceiro aqui do PSVR Brasil

Anúncios

6 comentários sobre “[guia] Vale a pena comprar a Aim Controller? Conheça os 12 jogos compatíveis

  1. Anito

    Parabéns pelo blog. Você traz qualidade, dedicação e amor a cada matéria divulgada sobre o PSVR. Amo minha Aim Controller e Farpoint sem ela, não é a mesma coisa mesmo. Deveria ser obrigatório o acessório. Estraga a experiência, jogar sem ela.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s